"Incentivar a leitura é a forma mais eficaz de disseminar cultura e valores, incitar a imaginação e despertar a criatividade."
Elaine Sekimura

As Aventuras de Pi, por Yann Martel

Um dos romances mais importantes do século, As aventuras de Pi é uma narrativa singular de Yann Martel que se tornou um grande best-seller.

As Aventuras de Pi - Yann Martel
Livro: E então ele a Beijo
Autor: Yann Martel
Edição: Vol. 1
Categoria: Aventura, Clássicos, Romance
Formato: PDF
Linguagem:Português           
Lançamento: 2012
Download: Disponível


Sinopse:

O livro narra a trajetória do jovem Pi Patel, um garoto cuja vida é revirada quando seu pai, dono de um zoológico na Índia, decide embarcar em um navio rumo ao Canadá. Durante a viagem, um trágico naufrágio deixa o menino à deriva em um bote, na companhia insólita de um tigre-de-bengala, um orangotango, uma zebra e uma hiena. A luta de Pi pela sobrevivência ao lado de animais perigosos e sobre um imenso oceano é de uma força poucas vezes vista na literatura mundial.

Resenha By: Bruna

Oi pessoal! Assisti As Aventuras de Pi no cinema antes de ler o livro e fiquei encantada. Saí do cinema realmente comovida e com muita vontade de iniciar a leitura, para descobrir o que estava escondido nas entrelinhas.

O livro possui dois narradores que atuam de formas distintas. O primeiro narrador é o protagonista - Pi Patel - que em 1ª pessoa nos conta sobre sua infância e adolescência em Pondicherry (Índia) e os 227 dias que passou à deriva no Oceano Pacífico. O segundo narrador - O Escritor - é um personagem anônimo, que em capítulos curtos, utiliza-se da 3ª pessoa para expor suas impressões sobre o Pi adulto (aparência, comportamento, casa e família), pois o está observando enquanto ouve e anota a história que ele está contando. Conforme a narrativa se intensifica, O Escritor "dá uma sumida", como se estivesse tão entretido que se esquecesse de observar a cena em volta, mas retorna na última parte.

A história é dividida em três partes:

Na Parte um - Toronto e Pondicherry (capítulos 1 a 36), mergulhamos na infância de Pi, que nos conta um pouco sobre a origem de seu nome e os problemas que teve na escola, sobre o Zoológico de Pondicherry e seu conhecimento a cerca dos hábitos e cuidados com os animais, a convivência com a família e a decisão de venderem os animais do Zoo e mudarem-se para o Canadá, seu contato com o hinduísmo, cristianismo e islamismo e como buscava e sentia a presença de Deus de diferentes formas em cada uma dessas religiões. Uma prosa gostosa, divertida e interessante.

" - Bapu Gandhi disse: "Todas as religiões são verdadeiras." Eu só quero amar a Deus - retruquei, meio sem pensar (...)"

A Parte dois - O oceano Pacífico (capítulos 37 a 94), começa com o naufrágio do navio japonês Tsimtsum que rumava para o Canadá, e narra a luta de Pi por sobrevivência. A necessidade que se sobrepõe ao choque da perda da família, a constante vigilância, o esforço para conseguir água potável e comida para si e para Richard Parker, o tigre. A escassez de tudo em comparação com a imensidão do oceano e a vontade de viver. Uma narrativa dramática, mas que evidencia o lado prático e inteligente de Pi, que coloca-se em ação e não abandona a fé e a esperança.

"(...) parte de mim estava feliz com a presença de Richard Parker. Parte de mim não queria absolutamente vê-lo morrer porque, se isso acontecesse, eu ficaria sozinho com o desespero, um adversário muito mais assustador que um tigre."

Na Parte três - Centro Médico Benito Juárez, Tomatlán, México (capítulos 95 a 100), O Escritor transcreve o encontro de Pi com os agentes do Departamento Marítimo do Ministério dos Transportes do Japão, que foram entrevistá-lo no centro médico em que ficou internado após o resgate, a fim de investigar o que tinha acontecido com o navio. Ficamos conhecendo uma segunda versão da história, rápida e chocante. Nesse momento, temos que escolher em qual versão queremos acreditar.

" - O mundo não é apenas do jeito que ele é. É também como nós o compreendemos, não é mesmo? E, ao compreender alguma coisa, trazemos alguma contribuição nossa, não é mesmo? Isso não faz da vida uma história?"

Como já tinha visto o filme, fiz a leitura de forma lenta e contínua, sem pressa, à deriva, aproveitando cada gota. A narrativa é ótima, é como se estivéssemos escutando um "contador de causos" que nos envolve, independe da situação inusitada que esteja narrando.

O filme deixou uma pergunta no ar, procurei por respostas e as encontrei. A história possui uma dualidade que nos instiga a refletir e mexe com a imaginação, o coração, o estômago, o raciocínio e a fé. Nos deixa com vontade de acreditar no EXTRAORDINÁRIO.

Download - "As Aventuras de Pi, por Yann Martel"

Baixar E então ele a Beijou, por Laura Lee
  • As Aventuras de Pi, por Yann Martel Download Grátis
  • As Aventuras de Pi, por Yann Martel Resenha Sinopse
Importante Prós
  • Funcionalidade descomplicada
  • Ótimo desempenho
  • Fácil de ser utilizado
  • Baixo consumo de recursos do dispositivo
Importante Contras
  • Para melhor performance necessita de um dispositivo compatível
  • Interface sem muitos recursos gráficos
Requisitos: Este livro foi desenvolvido para os dispositivos iOS, Readers e alguns recursos podem não funcionar como planejado com um mouse ou trackpad. Para visualizar este livro, você deve ter um dispositivo iOS com iBooks 1.3.1 ou posterior e iOS 4.3.3 ou um Kindle.